Frases soltas por aí... no mundo!!

Mostrando postagens com marcador doença. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador doença. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 3 de janeiro de 2014

ANO NOVO, ORGANIZE SUA VIDA! DESTRALHE-SE!


"Já ouviu falar em toxinas da casa?
objetos que você não usa.
roupas de que você não gosta ou não usa há anos.

coisas feias.
coisas quebradas, lascadas ou rachadas.
velhas cartas, bilhetes.
plantas mortas ou doentes.
recibos/jornais/revistas antigos.
remédios vencidos.
meias velhas, furadas.
sapatos estragados.
Ufa, que peso!

O "destralhamento" é a forma mais rápida de transformar a vida e ajudar as outras eventuais terapias.

Com o destralhamento, a saúde melhora, a criatividade cresce, os relacionamentos se aprimoram.
É comum sentir-se cansado, deprimido, desanimado, em um ambiente cheio de entulho, cheio de tralha, pois "existem fios invisíveis que nos ligam a tudo aquilo que possuímos".

Outros possíveis efeitos do acúmulo e da bagunça:
sentir-se desorganizado, fracassado, limitado e apegado ao passado.


No porão e no sótão, as tralhas viram sobrecarga.
Na entrada, restringem o fluxo da vida.
Empilhadas no chão, nos puxam para baixo.
Acima de nós, são dores de cabeça.
Sob a cama, poluem o sono.

Perguntinhas úteis na hora de destralhar...
1- Por que estou guardando isto?
2- Será que isto tem a ver comigo hoje?
3- O que vou sentir ao liberar isto?

E vá fazendo pilhas separadas...
Para doar!
Para jogar fora!


Para destralhar ainda mais...
livre-se de barulhos
das luzes fortes
das cores berrantes
dos odores químicos
dos revestimentos sintéticos

E também...
libere mágoas
pare de fumar
termine projetos inacabados.

As frutas nascem azedas e vão ficando docinhas com o tempo. A gente deveria de ser assim! Destralhar ajuda a adocicar.

Para encerrar... Dê a quem você ama asas para voar, raízes para voltar e motivos para ficar." 

via Monica H Solti Zorzetto 


sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Mulheres são mais suscetíveis à depressão se comparadas com os homens



Tratamento deve levar em consideração o gênero e suas oscilações hormonais


Share on emailShare on facebookShare on google_pluso
Segundo a Classificação Internacional de Doenças (CID 10), a depressão é caracterizada por humor deprimido, diminuição da energia, atividade reduzida, perda de prazer e interesses, fadiga, concentração diminuída, autoestima e autoconfiança diminuída, sentimento de culpa e de inutilidade, visão pessimista do futuro, ideias de suicídio, alteração do sono, alteração no apetite, irritabilidade, impaciência, dificuldade para tomar decisões. Ela pode ainda ser considerada em termos de gravidade: 

- Leve: em que a pessoa apresenta dois ou três dos sintomas citados, mas ainda consegue realizar a maioria de suas atividades;
- Moderada, em que se apresenta quatro ou mais sintomas e já é muito difícil desempenhar atividades da rotina;
- Grave em que a pessoa apresenta vários sintomas de forma marcante, sendo comuns tentativas de suicídio, gerando muito prejuízos para o indivíduo.
 Atualmente o estudo sobre gênero feminino e a saúde mental ou emocional é reconhecidamente importante. Mais especificamente, percebeu-se que os adoecimentos emocionais ou os chamados transtornos psiquiátricos femininos possuem diversas características próprias. Há ainda estudiosos que alegam que, na realidade, a diferença está no fato de as mulheres procurarem mais frequentemente ajuda médica ou de outros profissionais de saúde do que os homens, dificultando mais o conhecimento sobre a população masculina.


Depressão nas mulheres

A partir de estudos sobre as diferenças da depressão entre o sexo feminino e masculino, foi verificado particularidades da mulher nesta doença. A depressão é mais presente nas mulheres, sendo que estatísticas revelam a proporção de quase duas mulheres para um homem.
 Sabe-se que, para as mulheres, a influência da flutuação hormonal relacionadas ao ciclo reprodutivo feminino no humor e comportamento é importante, desde a menarca, que é a primeira menstruação da vida da mulher, até a menopausa, que é a parada da menstruação por um ano. Algumas mulheres são sensíveis às oscilações hormonais em nos períodos pré-menstrual, gestacional, pós-parto e na perimenopausa, deixando-as mais vulneráveis aos transtornos do humor, especialmente a depressão como doença ou sintomas depressivos. Como exemplo de como isto pode ser grave, diversos autores têm sugerido a detecção precoce da depressão já na gravidez, a fim de evitarem-se complicações no pós-parto ou até aborto para algumas mulheres.
"Vale lembrar que cada mulher possui características específicas e que qualquer tratamento, seja médico ou psicológico, deve respeitá-las e levá-las em consideração como tendo especificidades muito próprias do gênero feminino"
 Em uma pesquisa de 2002 sobre a depressão feminina, os pesquisadores Burt e Stein observaram que as mulheres portadoras da depressão apresentam mais ansiedade e transtornos alimentares; maior número de queixas físicas; tentam mais suicídio do que os homens.
 O pesquisador Altshuler, em estudo também de 2002, fala sobre o uso de antidepressivos em mulheres portadoras da depressão. Ele percebeu que o gênero também influencia a resposta a estes medicamentos. O estudo demonstrou que mulheres mais jovens ou abaixo dos 50 anos de idade teriam melhor resposta a antidepressivos como os inibidores seletivos da recaptura da serotonina (ISRS) como fluoxetina, sertralina e outros. A partir da pós-menopausa teriam melhor resposta aos antidepressivos tricíclicos (ADTs) como amitriptilina e nortriptilina.

 A melhor notícia é que atualmente existem tratamentos de grande eficácia para os adoecimentos emocionais. Eles permitem que as pessoas com depressão tenham o mínimo de prejuízo em suas vidas, mesmo portando doença mental.
 Estes e outros estudos fornecem base cientifica para que a mulher portadora de depressão seja cuidada de acordo com seu gênero. Vale lembrar que cada mulher possui características específicas e que qualquer tratamento, seja médico ou psicológico, deve respeitá-las e levá-las em consideração como tendo especificidades muito próprias do gênero feminino.
ESCRITO POR: Hewdy Lobo - Psiquiatria
ESPECIALISTA MINHA VIDA

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

Qual é a sua patologia? Parte 6


Hipocondria

A personalidade hipocôndrica é típica no indivíduo que tem verdadeira mania de doença. No entanto, ele próprio não acredita nos seus sintomas.

A Psicanálise encontrou neste tipo de personalidade muitos sentimentos de culpa, motivo pelo qual procura se mostrar doente, para saná-los.

Certa senhora, que conheci em Viena, queria por força ter um câncer. Visitava novos médicos todas as semanas e os criticava, quando afirmavam sua sanidade. Esse fato aconteceu, depois do falecimento do marido, que tratou muito mal em vida. Casos assim são muito comuns dentro dos anais da psiquiatria.



Astenia

O astênico é o indivíduo que se caracteriza pelo eterno desinteresse de tudo. Não vibra por motivo algum, e parece amorfo ou apático. Como teve tudo o que quis, não encontra motivos para se interessar, pois os astênicos viveram na infância em ambiente indolente.



Glisceroidia

O glisceroide é o indivíduo que se caracteriza pela sua viscosidade, isto é, pela tendência em colar nos outros. Eles são extraordinariamente prestativos, embora sejam muito explosivos, podendo passar de um comportamento amigável para outro agressivo.

Este tipo de personalidade tem uma base epiléptica. Mesmo que não tenha um foco no cérebro, possui as tendências dos portadores do “mal sagrado”.


Anetia

O tipo anético se caracteriza pela sua amoralidade, ou pelas suas perversões. O seu grande número está localizado na Europa, pois ele grassa em civilizações que chegaram ao seu auge, e quer mudar um pouco os velhos hábitos.

Este indivíduo diz ao outro o que ele exatamente gosta de ouvir, não se importando com a retidão moral. O anético tem acentuada tendência para profissões de espionagem, não se importando, muitas vezes, para quem trabalha. Contanto que ganhe bem, pode espionar contra o próprio país de origem.



Hiperemotividade

É muito frequente entre nós a pessoa chamada de hiperemotiva, isto é, o indivíduo que tem a emotividade incontrolável.

Caso seja chamada a sua atenção por qualquer motivo, explode como se tivesse sido atacado mortalmente em sua honra. É chamado também de temperamental.

Penso que nessa lista estão os principais tipos de personalidades patológicas, no sentido psiquiátrico, como já falamos no início. Nós os descrevemos de modo bastante superficial, mas tentando dar exemplos como eles agem. Talvez assim possa ser de alguma utilidade para os que desejam uma informação rápida.

Extraído do livro A Medicina da Alma - Autor: Norberto R.  Keppe

terça-feira, 30 de outubro de 2012

Qual é a sua patologia? Parte 3



Cicloidia

O cicloide é o oposto ao esquizoide, porque ele está sempre de acordo consigo mesmo, tão de acordo que acha que o mundo foi criado apenas para servi-lo.

Geralmente é extrovertido e simpático no primeiro contato, precisando mesmo da companhia dos outros para se sentir bem, pois tem medo da solidão. Em todo lugar a que vai faz amizade com facilidade. Ele é a pessoa que sabe de todas as notícias e boatos.

Pode parecer, aparentemente, que este tipo de personalidade é ideal. Porém, ele tem tendência para a depressão, período no qual cai num estado de melancolia e pessimismo.

Como tem muitos amigos, todos correm para ajudá-lo. Mas nada adianta e, de repente, volta ao seu estado normal.

Outro fato interessante é que o cicloide tem necessidade premente de chamar a atenção de todos sobre a sua pessoa, gostando de ser sempre o primeiro — até nos sofrimentos.

Fisicamente, segundo Kretschmer, o cicloide tem tendência para a obesidade, enquanto que o esquizoide, para a magreza.

Norberto R.  Keppe* Extrato do livro A Medicina da Alma, Cap. 17,  pág. 157

segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Qual é a sua patologia? Parte 2



Esquizotimia

Como a palavra está dizendo, esquizotimia quer dizer personalidade dividida, motivo pelo qual os indivíduos portadores desse tipo de patologia são muito difíceis de serem compreendidos. Eles próprios não sabem, muitas vezes, os motivos por que tomaram determinada atitude.

Enquanto cada um de nós sabe, a qualquer hora, o que está sentindo, porque nossas experiências convergem para a unicidade, o esquizoide não sabe fazer uma síntese de seus sentimentos, e frequentemente acaba pensando que ninguém o compreende.

Quando essa falta de ligação afetiva atinge a percepção e a inteligência, temos o doente mental, isto é, o indivíduo completamente desintegrado. É o esquizofrênico.

Exemplo típico da personalidade esquizoide é a do filósofo Strindberg que, quando recebeu a notícia da morte da mãe, continuou tranquilamente executando a sua tarefa, como se nada houvesse acontecido. Somente depois de horas de trabalho é que parou, de repente, caindo num choro convulsivo.


Norberto R.  Keppe* Extrato do livro A Medicina da Alma, Cap. 17,  pág. 157

Qual é a sua patologia? Parte 1



A Paranoia

A paranoia está classificada entre as doenças mentais, sendo grande o número de indivíduos acometidos pelos seus sintomas.

A sociedade conta, infelizmente, com esses doentes, sem se dar conta de sua periculosidade. Geralmente têm um convívio social aceitável, não raras vezes de importância. São extremamente inteligentes e usam sua capacidade para fins escusos ou úteis.

Não são casos de internação, a não ser que apresentem crises (na esquizofrenia paranoide), mas criam dificuldades com as pessoas com as quais convivem.

Segundo Mira Y Lopes, a descrição desse tipo de personalidade é a seguinte: “É o tipo que se julga superior a todos, achando-se sempre com razão. Não raciocina, racionaliza. É um sofista e grande argumentador, de modo que os seus adversários dizem: embora o sr. não me convença, vence-me na argumentação.

“O paranoide tem tal capacidade de argumentação, que é capaz de tomar qualquer frase do seu interlocutor e convencê-lo do contrário. É um polemista e tem um tirocinio especial para a advocacia. Muitas vezes, defendendo um criminoso, consegue libertá-lo, deixando um perigoso facínora em ação novamente.

“Geralmente, em virtude de sua capacidade de argumentação, resistência e perseverança, ele chega a altos postos, procurando resolver problemas difíceis, principalmente os de caráter pleiteante e reivindicativo, como os que agitam os grupos de trabalho.

“Eles causam atritos de toda espécie, e quando as pessoas com as quais convivem duvidam de sua sanidade, eles dizem: Vocês pensam que eu sou paranoico, mas não sou. E, na realidade, são.”

Enquanto o paranoico não exerce cargo de responsabilidade, como o da direção de um país, por exemplo, poderá mais ou menos adaptar-se. Mas quando sobe na escala social, as projeções que faz se encarregam de torná-lo nocivo. E realizam seu papel, enganando os outros.

Um Adolf Hitler, na Alemanha (país com um povo culto), conseguiu enganar a todos por muitos anos. Somente no final, quando a situação era completamente caótica, é que perceberam toda a extensão de sua doença.


Norberto R.  Keppe* Extrato do livro A Medicina da Alma, Cap. 17,  pág. 157

quarta-feira, 3 de outubro de 2012

Doença do laptop denominada “laptoptite”, causa dores nos punhos, cotovelos e costas

Untitled 15 Doença do laptop denominada laptoptite, causa dores nos punhos, cotovelos e costas
O uso prolongado dos notebooks tem aumentado os casos de dores e lesões em ligamentos e articulações.
O formato do aparelho dificulta uma boa postura durante a digitação e pode causar problemas nos ombros, cotovelos, punhos e na coluna, além de dor de cabeça.
Preocupado com a popularização dos PCs portáteis entre estudantes norte-americanos, o especialista em reabilitação Kevin Carneiro, da Universidade da Carolina do Norte (EUA), cunhou o termo “laptoptite” em analogia a doenças como a tendinite para designar os problemas causados pelo aparelho.

“A diferença para os desktops é que, no notebook, o monitor e o teclado estão conectados, o que dificulta o posicionamento do corpo”, disse Carneiro à Folha.
No Brasil, a tendência é a mesma. Em 2010, as vendas de notebooks superaram pela primeira vez as de desktops _foram vendidos mais de 7 milhões de computadores portáteis, segundo a Associação Brasileira da Indústria Elétrica e Eletrônica.
A preferência pelos laptops é impulsionada pela queda nos preços e a facilidade no transporte. Os efeitos já são vistos nas clínicas.
“Recebo muitos pacientes com dores. A maioria dos problemas é de postura. A pessoa deita na cama e quer resolver tudo no laptop: não dá para ficar sem dor”, diz Paulo Randal Pires, presidente do Comitê de Mão da Sbot (Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia).
A professora universitária Patrícia Alfredo, 29, já sente o ônus da mudança. Trocou o desktop pelo notebook há seis meses e já convive com dor no pescoço, cotovelo e na cabeça e tensão nos ombros.
“Uso a mesma mesa do desktop e adquiri um suporte. Mas, por mais que eu tente posicionar o computador direito, meu braço nunca fica totalmente correto.” Mesmo assim, ela continua usando o notebook. “A tentação é grande, é muito fácil e carrego para todo lado.”
11086306 Doença do laptop denominada laptoptite, causa dores nos punhos, cotovelos e costas
MENOS TEMPO
Um estudo publicado em fevereiro na revista “Ergonomics” por pesquisadores da Boston University Sargent College, nos EUA, mostrou que usar o notebook por mais de quatro horas por dia já traz riscos de dores e lesões.
“O ideal seria usar esse tipo de computador só para emergências e viagens”, diz Raquel Casarotto, professora de fisioterapia da Faculdade de Medicina da USP.
A pesquisa também avaliou o impacto do uso de cadeiras adequadas, suporte e teclado sem fio na redução de dores de 88 universitários durante três meses. O grupo que usou os acessórios apresentou menos problemas.
Como o monitor do notebook é fixo, não dá para deixá-lo na altura ideal sem a ajuda dos acessórios. No improviso, o usuário força o pescoço para baixo, tensionando ombros e coluna.
Os punhos também ficam mais tensos, porque é mais difícil apoiá-los no laptop. A posição errada altera a circulação sanguínea e afeta a nutrição dos tecidos, o que pode causar inflamações.
O ideal é acoplar um teclado ao aparelho, para melhorar a posição das mãos, e usar um suporte para elevar a tela à altura dos olhos.
notebook postura Doença do laptop denominada laptoptite, causa dores nos punhos, cotovelos e costasA altura das teclas deve permitir que os ombros fiquem relaxados _por isso, o notebook não deve ser usado no colo, na cama ou em mesas altas, como as de jantar.
Quanto menor o aparelho, maiores são os riscos. Teclas pequenas obrigam o usuário a adotar uma postura restrita, comprimindo músculos e gerando tensão em todo o corpo.
“Um amigo se encantou com um notebook superpequeno, do Japão. Em três semanas de uso, desenvolveu uma inflamação dos tendões do cotovelo”, diz Casarotto.
Atenção também aos tablets, que devem ficar apoiados em mesas. Segurá-los causa dores nos punhos e nos dedos. Mesmo na mesa, o pescoço fica curvado para baixo, piorando a postura.
“Ler no tablet não traz riscos, também não é proibido digitar rapidamente. Mas usá-lo sempre para navegação trará problemas, porque o aparelho precisaria ser colocado na vertical, o que é inviável”, diz Casarotto.
A prática de atividades física também ajudam a prevenir e corrigir situações onde a musculatura e articulações devem estar fortalecidas e alongadas para suportar a posição, por isso empresas acrescentam em seus turnos trabalhos de Ginástica Laboral, para ser um facilitador nesta atividade. Mas neste caso, se sua postura durante a utilização de seu notebook estiver errada, não vai adiantar nada seu fortalecimento e flexibilidade.
Fonte: folha.uol.com.br

terça-feira, 22 de novembro de 2011

Crônica de uma morte anunciada: cigarro!


Componentes do Cigarro
  • Acetaldeído - Produto metabólico primário do etanol na sua rota de  conversão a ácido acético. É um dos agentes responsáveis pela ressaca.
  • Acetona - Solvente inflamável.
  • Ácido cianídrico - Cianeto hidrogenado extremamente venenoso devido à habilidade do íon em se combinar com o ferro da hemoglobina, bloqueando a recepção do oxigênio pelo sangue. Mata por sufocamento.
  • Acroleína - Composto que possui odor e sabor amargo obtido pela desidratação da glicerina por bactérias.
  • Alcatrão - Resíduo tóxico cancerígeno que colabora com o vício do mesmo e obstrui as vias respiratórias.
  • Amoníaco - Composto químico usado em produtos de limpeza.
  • Arsênico - Composto extremamente tóxico, veneno puro.
  • Benzopireno - Substância cancerígena que facilita a combustão existente no papel que envolve o fumo.
  • Butano - Gás incolor, inodoro e altamente inflamável.
  • DDT - Agrotóxico.
  • Dietilnitrosamina - Composto que causa lesão hepática grave.
  • Fenol - Ácido carbólico corrosivo e irritante das membranas mucosas. Potencialmente fatal se ingerido, inalado ou absorvido pela pele. Causa queimaduras severas e afeta o sistema nervoso central, fígado e rins.
  • Formol - Formaldeído, componente de fluído conservante, que causa irritação dos olhos, nariz, garganta e pele, mutagênico e carcinogênico suspeito.
  • Mercúrio - Causa dor de estômago, diarréia, tremores, depressão, ansiedade, gosto de metal na boca, dentes moles com inflamação e sangramento na gengiva, insônia, falhas de memória e fraqueza muscular, nervosismo, mudanças de humor, agressividade, dificuldade de prestar atenção e até demência.
  • Metais pesados - Chumbo e cádmio. Causam a perda de capacidade ventilatória dos pulmões, além de dispnéia, fibrose pulmonar, hipertensão, câncer nos pulmões, próstata, rins e estômago
  • Metanol - Álcool metílico usado como combustível de foguetes e automóveis.
  • Monóxido de carbono - Gás inflamável, inodoro e muito perigoso devido à sua grande toxicidade por formar com a hemoglobina do sangue um composto mais estável do que ela e o oxigênio, podendo levar à morte por asfixia.
  • Naftalina - Substância cristalina branca, volátil, com odor característico antitraça.
  • Nicotina - Alcalóide usado como herbicida e inseticida com cheiro desagradável e venenoso, que constitui o princípio ativo do tabaco. Provoca cancro nos pulmões devido à metilização.
  • Níquel - Armazenam-se no fígado e rins, coração, pulmões, ossos e dentes - resultando em gangrena dos pés, causando danos ao miocárdio etc..
  • Pireno - Hidrocarboneto aromático cancerígeno.
  • Polônio - Elemento altamente radioativo e tóxico e o seu manuseio requer a utilização de equipamento especial usado com procedimentos restritivos.

quarta-feira, 15 de junho de 2011

67% dos brasileiros lavam as mãos cinco ou mais vezes ao dia, diz pesquisa


Lavagem correta leva menos de 40 segundos.
Para manter a saúde em dia, um hábito é fundamental: lavar as mãos. É simples, mas tem uma técnica especial.

Lavar as mãos é um gesto comum, quase automático, um hábito saudável e com muitos adeptos no Brasil.

Uma pesquisa feita em 13 países mostra que o Brasil está no alto do ranking da higiene. Ao todo, 67% dos brasileiros lavam as mãos cinco ou mais vezes ao dia; 59% dos canadenses lavam as mãos tanto quanto nós e 55% dos ingleses e americanos também. A China ocupa o posto mais baixo da lista: apenas 25% dos chineses lavam as mãos mais de cinco vezes por dia.

Nilda e Letícia têm o habito de lavar as mãos desde a infância. No dia a dia da casa, principalmente na cozinha acabam lavando as mãos muitas vezes. “Toda hora. Eu sou viciada em lavar as mãos. Eu lido com a saúde. Eu sou fisioterapeuta. Então, eu sou obrigada a manter a higiene, tanto quanto meu paciente”, declara a fisioterapeuta Letícia Barros.

Mas quantidade não quer dizer qualidade. Para evitar realmente doenças, é preciso ter uma técnica.

A médica infectologista Dominique Thielmann explica que a lavagem correta leva menos de 40 segundos. O primeiro passo é tirar anéis e aliança. “Primeira coisa é esfregar a palma das mãos. Em seguida, esfregar o dorso, tomando cuidado para limpar entre os dados, limpar o espaço entre as digitais, o dorso das mãos. Não podemos esquecer os polegares, a ponta dos dedos, mais contato com as coisas e os punhos”, detalha “O ideal é não voltar a tocar na torneira, porque a torneira foi aberta com as mãos sujas. Em casa, pode-se utilizar toalha, mas na rua o ideal é ter o papel toalha descartável”.

Desse jeito, já dá para combater as doenças mais comuns. “É a principal medida pra evitar mais comuns, como a gripe e diarréia. Além depois de ir banheiro, antes de manipular alimentos, sempre fazer higiene das mãos, depois de espirrar, tossir. É uma das medidas para prevenir gripe, incluindo a Gripe A”, afirma a médica.

(Com informações do Bom Dia Brasil/G1)

segunda-feira, 30 de maio de 2011

DOZE CONSELHOS PARA TER UM INFARTO FELIZ !!!


  1. Cuide de seu trabalho antes de tudo. As necessidades pessoais e familiares são secundárias.
  2. Trabalhe aos sábados o dia inteiro e, se puder também aos domingos.
  3. Se não puder permanecer no escritório à noite, leve trabalho para casa e trabalhe até tarde.
  4. Ao invés de dizer não, diga sempre sim a tudo que lhe solicitarem.
  5. Procure fazer parte de todas as comissões, comitês, diretorias, conselhos e aceite todos os convites para conferências, seminários, encontros, reuniões, simpósios etc.
  6. Não se dê ao luxo de um café da manhã ou uma refeição tranqüila. Pelo contrário, não perca tempo e aproveite o horário das refeições para fechar negócios ou fazer reuniões importantes.
  7. Não perca tempo fazendo ginástica, nadando, pescando, jogando bola ou tênis. Afinal, tempo é dinheiro.
  8. Nunca tire férias, você não precisa disso. Lembre-se que você é de ferro. (e ferro, enferruja!. .rs)
  9. Centralize todo o trabalho em você, controle e examine tudo para ver se nada está errado.. Delegar é pura bobagem; é tudo com você mesmo.
  10. Se sentir que está perdendo o ritmo, o fôlego e pintar aquela dor de estômago, tome logo estimulantes, energéticos e antiácidos. Eles vão te deixar tinindo.
  11. Se tiver dificuldades em dormir não perca tempo: tome calmantes e sedativos de todos os tipos. Agem rápido e são baratos.
  12. E por último, o mais importante: não se permita ter momentos de oração, meditação, audição de uma boa música e reflexão sobre sua vida. Isto é para crédulos e tolos sensíveis.

Repita para si: Eu não perco tempo com bobagens. Duvido que você não tenha um belo infarto se seguir os conselhos acima!!!

Uma nota importante sobre os ataques cardíacos.
- Há outros sintomas de ataques cardíacos, além da dor no braço esquerdo(direito). Há também, como sintomas vulgares, uma dor intensa no queixo, assim como náuseas e suores abundantes.

- Pode-se não sentir nunca uma primeira dor no peito, durante um ataque cardíaco. 60% das pessoas que tiveram um ataque cardíaco enquanto dormiam, não se levantaram... Mas a dor no peito, pode acordá-lo dum sono profundo.


- Se assim for, dissolva imediatamente duas Aspirinas na boca e engula-as com um bocadinho de água. Ligue para Emergência (192, 193 ou 190) e diga ''ataque cardíaco'' e que tomou 2 Aspirinas. Sente-se numa cadeira ou sofá e force uma tosse, sim forçar a tosse pois ela fará o coração pegar no tranco; tussa de dois em dois segundos, até chegar o socorro.. NÃO SE DEITE!!!!

"A vida não dá e nem empresta, não se comove e nem se apieda. Tudo quanto ela faz é retribuir e transferir aquilo que nós lhe oferecemos."


Palavras mais buscadas...

ação (3) aconchego (1) acreditar (3) adeus (1) água (8) Alexandre (3) alimentação viva (4) alimento (5) alma (8) alunos (2) amadurecer (3) amar (10) amazônia (12) amigo (14) amigos (9) amizade (8) amor (60) amoral (4) andar (2) ano (2) Apego (10) aprender (4) aproveite (1) Arapoty (1) aristóteles (4) as sete leis (2) ascendente (2) astrologia (25) atitude (6) auto-estima (3) ayurveda (5) batalha (3) beijo (4) beleza (6) bem (6) boca (7) Brasil (17) brasileiros (14) brincar (5) buda (5) busca (2) calma (2) caminhada (2) caminho (6) camisola (1) cancer (5) câncer (4) capricórnio (5) característica (3) carentes (2) carinho (6) casa (5) casal (3) casamento (6) causo (5) cérebro (9) certo (3) chakras (3) china (3) chorar (5) ciclo (2) cigarro (2) cinema (2) coisas impossíveis (2) comer (5) competição (4) conforto (2) confúcio (2) conhecimento (5) consciência (11) conto popular (6) controvérsia (3) cor (12) Cora Coralina (2) coração (13) coragem (3) corpo (18) crenças (6) culpa (7) cura (4) Dalai Lama (2) decorar (12) depressão (8) desabafo (3) desamor (3) desapego (17) destino (12) Deus (16) dia (7) dicas (6) dificuldade (3) dignidade (3) dinheiro (10) ditado (9) ditados populares (5) dito (5) doação (3) doença (11) dor (7) dosha (4) ego (7) emoção (4) emocional (4) emoções (3) energia (10) equilíbrio (3) erro (4) esperança (2) espiritual (7) estilo (2) estória (10) ética (3) ético (4) evolução (7) falar (6) família (11) fazer (3) felicidade (28) feliz (18) festa (4) filho (4) filme (2) filosofia (6) filósofo (3) flor (12) floral (12) flores (14) fofoca (6) frase (30) frases (19) Gandhi (2) gay (3) hábito (5) harmonia (4) hatha yoga (2) heroína (2) história (11) homem (15) honestidade (2) humanidade (5) humano (19) humilde (2) humor (6) idade (6) ignorância (6) imagem (2) incapaz (2) inteligência (7) japão (2) jovem (4) Kaká Werá (3) lábios (2) laranja (3) leão (6) legais (2) legumes (2) lenda (24) lendas (18) liberdade (6) limites (2) língua (3) livre (3) lorota (5) louco (7) loucura (8) luz (3) mãe (3) mágoa (5) mágoas (6) Mahatma Gandhi (3) mal (6) mantra (2) mãos (2) matuto (2) medicina (5) médico (3) Meditação (10) meditar (4) medo (13) mensagem (9) mente (5) mentira (34) mentiras (4) moksha (3) momentos (4) Monge (2) monja coen (2) moral (4) morrer (9) morte (9) motivação (4) mulher (15) mulheres (5) mundo (7) música (6) namoro (3) natal (3) natural (2) natureza (15) nova (2) nutrientes (2) o bem amado (2) obsessiva (3) Odorico (4) orgulho (5) oriental (2) otimista (2) paciência (4) pais (4) paixão (5) palavra (14) palavras (8) Paraguaçu (4) Paris (2) paz (10) pecado (3) pecados capitais (2) peixes (6) pensamento (8) perdoar (3) pererê (2) pergunta (3) persistência (3) personalidade (6) pés (2) Pessoa (4) piadas (2) pior (3) planeta (14) platão (4) poder (3) política (3) político (6) popular (10) populares (4) português (3) positivo (4) prazer (5) prem (2) prem baba (3) preocupação (3) presente (4) problemas (4) professor (5) profissional (3) promessa (2) prosperidade (2) provérbio (23) psicólogo (3) qualidade (2) raiva (4) realidade (22) refletir (2) refrigerante (3) regente (12) rei (2) relação (4) relacionamento (6) relacionamentos (5) religião (5) respeito (4) responsabilidade (9) resposta (5) rico (3) rir (8) riso (5) rosto (2) sabedoria (14) saber (5) saci (3) sagrado (2) sangue (2) Santidade (2) saudade (3) saudável (3) saúde (15) segredo (3) sensatez (2) sensível (2) sentimento (14) sexo (18) sexual (3) Sigmund Freud (2) significados (2) signo (26) signos (26) silêncio (5) sinceridade (3) sincero (2) sindrôme (2) síndrome (2) social (3) sociedade (6) sócrates (3) sofrer (3) sofrimento (3) solidão (5) solidariedade (3) sonhar (4) sorrir (4) sorriso (4) sorvete (2) stress (4) sucesso (5) Sucupira (4) suicídio (3) tempo (12) terapia (3) terra (2) Tibete (2) TPM (4) trabalho (9) transformação (3) travesso (2) triste (3) tristeza (11) tumores (2) universo (3) útil (2) velho (4) velhos (3) veneno (2) verdade (43) vício (2) vícios (3) vida (44) vinyasa yoga (2) virgem (5) virtude (3) vitamina (2) vitória (3) vivência (2) viver (18) voluntário (2) Zen (4)