Frases soltas por aí... no mundo!!

Mostrando postagens com marcador vitória. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador vitória. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 12 de julho de 2013

O voo


A Águia é a ave que possui a maior longevidade da espécie. Vive cerca de 70 anos.
Porém, para chegar a essa idade, aos 40 anos, ela precisa tomar uma séria e difícil decisão.
Aos 40 anos de idade, suas unhas estão compridas e flexíveis e já não conseguem mais agarrar as presas das quais se alimenta.
O bico, alongado e pontiagudo se curva, suas asas tornam-se pesadas em função da grossura de suas penas, estão envelhecidas pelo tempo.
Já se passaram 40 anos do dia em que a jovem águia lançou vôo pela primeira vez.

Hoje, para a experiente águia, voar já é bem difícil! Nessa situação a águia só tem duas alternativas:
·        Deixar-se morrer…
·        ou enfrentar um doloroso processo de renovação que irá durar 150 dias.

Esse processo consiste em voar para o alto de uma montanha e lá se recolher em um ninho que esteja próximo a um paredão. Um local Seguro de outros predadores e de onde, para retornar, ela necessite dar um vôo firme e pleno.


Ao encontrar esse lugar, a águia começa a bater o seu bico contra a parede até 
conseguir arrancá-lo, enfrentando, corajosamente, a dor que essa atitude acarreta. Pacientemente, espera o nascer de um novo bico, com o qual irá arrancar as suas velhas unhas.



Com as novas unhas ela passa a arrancar as velhas penas. Após cinco meses, “Esta Renascida”, sai para o famoso vôo de renovação, certa da vitória e de estar preparada para viver, então, por mais 30 anos.
Muitas vezes, em nossas vidas, temos que parar e refletir por algum tempo, e dar início a um processo de renovação.

Devemos nos desprender dos pré-conceitos, dos maus costumes, de tudo aquilo que não é mais útil ou importante, para continuarmos a voar. Um vôo de vitória.


Somente Quando livres das barreiras e pesos do passado, poderemos aproveitar o resultado valioso que uma renovação sempre traz.

Destrua o bico do ressentimento, arranque as unhas do medo, retire as velhas penas de suas asas, permitindo o fluir de novos pensamentos.


Alce um lindo vôo para uma nova vida de sonhos e realizações.


sábado, 29 de outubro de 2011

Lendas da Amazônia: Vitória Régia

Lendas da Amazônia


VITÓRIA RÉGIA



A Lenda da Vitória Régia, conta que uma índia chamada Naiá, ao contemplar a lua (Jaci) que brilhava no céu apaixona-se por ela. Segundo contava os índigenas, Jaci descia a terra para buscar alguma virgem e transformá-la em estrela do céu. Naiá ao ouvir essa lenda, sempre sonhava em um dia virar estrela ao lado de Jaci. Assim todos os dias, Naiá saia de casa para contemplar a lua e aguardar o momento da lua descer no horizonte e sair correndo para tentar alcançar a lua. Todas as noites Naiá repetia essa busca na tentativa de alcançar a lua, até que um dia adoeceu, triste com a indiferença de Jaci, começou a ficar cada dia mais doente, mas não desistia de seu sonho. Um dia Naiá, muito fraca corre mais uma vez para tentar alcançar a lua, nessa noite Naiá cai na mata e quando acorda vê o reflexo da lua nas águas do igarapé, sem exitar mergulha na água e se afoga. Mas Jaci se sensibiliza com o esforço de Naiá e a transforma na grande flor do Amazonas, a Vitória Régia, que só abre suas pétalas ao luar.

terça-feira, 28 de julho de 2009

A energia das paixões

A energia das paixões


"Um homem inteligente nota que certos momentos se repetem. Frequentemente ele se vê diante dos mesmos problemas, e enfrenta situações que já havia enfrentado anteriormente. Então, fica deprimido. Começa a achar que é incapaz de progredir na vida, já que as mesmas coisas que viveu no passado estão acontecendo de novo. "Já passei por isso", ele reclama com seu coração. "Realmente você já passou", responde o seu coração. "Mas nunca ultrapassou". O homem, então, passa a ter consciência que as experiências repetidas tem uma finalidade: ensinar-lhe o que ainda não aprendeu. Ele passa a dar uma solução diferente para cada luta repetida - até que encontra a vitória". (O caminho da Vitória)

Sem entrarmos no mérito moral da questão dos relacionamentos passionais, uma das características de quem utiliza de forma consciente e equilibrada a sua faculdade mediúnica, é acessar, eventualmente, informações de vidas passadas.
A energia da paixão, pelo fato de envolver dois seres que se atraem, deixa registros dessa intensa relação em suas memórias extracerebrais. Como a experiência de apaixonar-se por outra pessoa é genuínamente humana, esses registros encontram-se à disposição para serem revelados à luz da consciência, principalmente, quando mantemos saudável o mecanismo de acesso a essas informações que independem da memória cerebral da vida presente.

Nessa condição de estarmos "ligados" às sensações do aqui e agora e, ao mesmo tempo, conectados a uma frequência superior à percepção dos cinco sentidos, propicia-nos experienciar situações que sintonizamos pela energia das emoções, em vidas passadas.

Entre algumas experiências ocorridas comigo na juventude, uma delas chamou-me especial atenção: um contato ocasional com uma mulher ainda jovem. No entanto, a visualização de seu rosto e, principalmente, de seu cabelo comprido e encaracolado, de cor castanho escuro, passou-me instantaneamente uma forte impressão de já tê-la conhecido de algum lugar. Fato que imediatamente mexeu com as minhas emoções...

Passado aquele momento, nunca mais a vi. Porém, a simples visualização de sua imagem serviu para resgatar dos recônditos da memória extracerebral, "flashes" de uma relação muito antiga em que a energia das emoções ficou anexada à imagem daquela mulher do remoto passado que se revelara através de traços físicos semelhantes à jovem do contato fortuito no presente.
Reencontro? Almas gêmeas? Na verdade, não senti - e não percebi - que fosse o caso. Simplesmente, conclui, que através do mecanismo inconsciente da memória extracerebral - pelo cabelo e traços fisonômicos semelhantes -, a imagem da mulher do encontro ocasional, associou-se à imagem da mulher do relacionamento passado, reativando em mim uma certa intensidade de emoção, e revelando, dessa forma, a antiga relação passional.

É provavel que, pelo menos em parte, estejam nessas experiências de conteúdo emocional-passional, as explicações das nossas escolhas inconscientes de parcerias, tipo "amor à primeira vista" ou de perfis que reúnam certas características físicas, fisionômicas e de caráter.

No entanto, o saudável da questão é sabermos discernir entre passado e presente, ou seja, que a vida é uma oportunidade de renovação em relação às energias psiquico-espirituais que emanam do remoto passado, e que se não estivermos alertas e conectados com o nosso eu superior, tendemos a continuar reféns de antigas emoções que acabam por interferir nas relações afetivas da vida adulta.

O autoconhecimento de nível avançado, a partir do momento em que começamos a aceitar o nosso canal mediúnico como uma forma natural de acessarmos outros níveis de conhecimento e de informações, torna-se, a partir do Terceiro Milênio, uma necessidade para aqueles que desejam acompanhar a expansão consciencial programada para a humanidade.

A ixação ou dependência afetivo-emocional a relacionamentos antigos que permanecem vinculados pela energia da paixão, e de sentimentos não resolvidos gerados por consideráveis traumas psíquicos entre os envolvidos, nada acrescenta em termos de desprendimento e evolução do espírito, mas ao contrário, porque o mantém cativo a uma situação de dependência que ele próprio desconhece a sua origem.

A cura dos males da alma e do corpo passam pela conscientização de que os sentimentos não resolvidos, assim como as emoções, tornam-se energias cumulativas que pela sua ação invasiva no inconsciente, provocam reações negativas que cedo ou tarde se manifestarão em forma de patologias.

Nesse sentido, um melhor nível de autoconhecimento, isto é, o conhecimento do conteúdo emocional que, até então, exercia pressão sobre o inconsciente do indivíduo limitando o fluxo de seu crescimento pessoal, torna-se imprescindível para aqueles que desejam libertar-se das "amarras" de seu passado recente e remoto.

O despertar para o fluxo natural e saudável da vida passa pelo processo de renovação de energias a partir da vida presente, caso contrário, a tendência é reproduzirmos vida após vida, um padrão de comportamento íntimamente ligado às energias de nossas emoções acumuladas com o decorrer dos séculos...

A saúde integral, livre de doenças de fundo emocional, é a meta a ser atingida por aqueles que procuram a geração da energia do amor a partir de si mesmos, mas em comunhão com o outro. Quando atingido esse patamar de renovação e libertação do passado, o indivíduo torna-se apto a compreender que paixão é uma energia densa, instável, intensa e fugaz, e que amor é uma energia leve, estável, envolvente e eterna.

Psicanalista Clínico e Interdimensional.

www.flaviobastos.com

Dirigente mediúnico espírita


Palavras mais buscadas...

ação (3) aconchego (1) acreditar (3) adeus (1) água (8) Alexandre (3) alimentação viva (4) alimento (5) alma (8) alunos (2) amadurecer (3) amar (10) amazônia (12) amigo (14) amigos (9) amizade (8) amor (60) amoral (4) andar (2) ano (2) Apego (10) aprender (4) aproveite (1) Arapoty (1) aristóteles (4) as sete leis (2) ascendente (2) astrologia (25) atitude (6) auto-estima (3) ayurveda (5) batalha (3) beijo (4) beleza (6) bem (6) boca (7) Brasil (17) brasileiros (14) brincar (5) buda (5) busca (2) calma (2) caminhada (2) caminho (6) camisola (1) cancer (5) câncer (4) capricórnio (5) característica (3) carentes (2) carinho (6) casa (5) casal (3) casamento (6) causo (5) cérebro (9) certo (3) chakras (3) china (3) chorar (5) ciclo (2) cigarro (2) cinema (2) coisas impossíveis (2) comer (5) competição (4) conforto (2) confúcio (2) conhecimento (5) consciência (11) conto popular (6) controvérsia (3) cor (12) Cora Coralina (2) coração (13) coragem (3) corpo (18) crenças (6) culpa (7) cura (4) Dalai Lama (2) decorar (12) depressão (8) desabafo (3) desamor (3) desapego (17) destino (12) Deus (16) dia (7) dicas (6) dificuldade (3) dignidade (3) dinheiro (10) ditado (9) ditados populares (5) dito (5) doação (3) doença (11) dor (7) dosha (4) ego (7) emoção (4) emocional (4) emoções (3) energia (10) equilíbrio (3) erro (4) esperança (2) espiritual (7) estilo (2) estória (10) ética (3) ético (4) evolução (7) falar (6) família (11) fazer (3) felicidade (28) feliz (18) festa (4) filho (4) filme (2) filosofia (6) filósofo (3) flor (12) floral (12) flores (14) fofoca (6) frase (30) frases (19) Gandhi (2) gay (3) hábito (5) harmonia (4) hatha yoga (2) heroína (2) história (11) homem (15) honestidade (2) humanidade (5) humano (19) humilde (2) humor (6) idade (6) ignorância (6) imagem (2) incapaz (2) inteligência (7) japão (2) jovem (4) Kaká Werá (3) lábios (2) laranja (3) leão (6) legais (2) legumes (2) lenda (24) lendas (18) liberdade (6) limites (2) língua (3) livre (3) lorota (5) louco (7) loucura (8) luz (3) mãe (3) mágoa (5) mágoas (6) Mahatma Gandhi (3) mal (6) mantra (2) mãos (2) matuto (2) medicina (5) médico (3) Meditação (10) meditar (4) medo (13) mensagem (9) mente (5) mentira (34) mentiras (4) moksha (3) momentos (4) Monge (2) monja coen (2) moral (4) morrer (9) morte (9) motivação (4) mulher (15) mulheres (5) mundo (7) música (6) namoro (3) natal (3) natural (2) natureza (15) nova (2) nutrientes (2) o bem amado (2) obsessiva (3) Odorico (4) orgulho (5) oriental (2) otimista (2) paciência (4) pais (4) paixão (5) palavra (14) palavras (8) Paraguaçu (4) Paris (2) paz (10) pecado (3) pecados capitais (2) peixes (6) pensamento (8) perdoar (3) pererê (2) pergunta (3) persistência (3) personalidade (6) pés (2) Pessoa (4) piadas (2) pior (3) planeta (14) platão (4) poder (3) política (3) político (6) popular (10) populares (4) português (3) positivo (4) prazer (5) prem (2) prem baba (3) preocupação (3) presente (4) problemas (4) professor (5) profissional (3) promessa (2) prosperidade (2) provérbio (23) psicólogo (3) qualidade (2) raiva (4) realidade (22) refletir (2) refrigerante (3) regente (12) rei (2) relação (4) relacionamento (6) relacionamentos (5) religião (5) respeito (4) responsabilidade (9) resposta (5) rico (3) rir (8) riso (5) rosto (2) sabedoria (14) saber (5) saci (3) sagrado (2) sangue (2) Santidade (2) saudade (3) saudável (3) saúde (15) segredo (3) sensatez (2) sensível (2) sentimento (14) sexo (18) sexual (3) Sigmund Freud (2) significados (2) signo (26) signos (26) silêncio (5) sinceridade (3) sincero (2) sindrôme (2) síndrome (2) social (3) sociedade (6) sócrates (3) sofrer (3) sofrimento (3) solidão (5) solidariedade (3) sonhar (4) sorrir (4) sorriso (4) sorvete (2) stress (4) sucesso (5) Sucupira (4) suicídio (3) tempo (12) terapia (3) terra (2) Tibete (2) TPM (4) trabalho (9) transformação (3) travesso (2) triste (3) tristeza (11) tumores (2) universo (3) útil (2) velho (4) velhos (3) veneno (2) verdade (43) vício (2) vícios (3) vida (44) vinyasa yoga (2) virgem (5) virtude (3) vitamina (2) vitória (3) vivência (2) viver (18) voluntário (2) Zen (4)